Igreja Matriz de Nossa Senhora do Livramento

Igreja Matriz de Nossa Senhora do Livramento

Santa Rita, Paraíba, Brasil

Arquitetura religiosa

Nossa Senhora do Livramento é o principal povoado colonial na margem norte do estuário do Rio Paraíba. A sua capela foi elevada a matriz aquando do desmembramento da freguesia da cidade da Paraíba, em 1813. Fica em sítio alto, dominando visualmente a região. Sua origem é incerta: Machado o vê como remanescente do aldeamento de Piragibe, para lá transferido em 1592, mas a cartografia holandesa aponta apenas população dispersa no lugar. Embora as características formais da igreja indiquem, na hipótese mais tardia, origem do início do século XVIII, o primeiro registo documental encontrado é da última década de tal século. O aspecto exterior, de aberturas exíguas e proporções pesadas, tendentes ao quadrado, é próprio do estilo chão. A portada é uma primeira versão, sem ornamentação, daquela da capela de São Gonçalo (a 17 km de distância); também o púlpito, de desenho refinado, é‐lhe muito semelhante. O altar‐mor é um terceiro exemplar paraibano em pedra calcária, análogo aos exemplares carmelitas da cidade de João Pessoa e de Nossa Senhora da Guia (1763‐1768). Os elementos básicos e a decoração são os mesmos, e a composição leva às últimas consequências o que neles se prenunciava: a base se alteia e desloca para cima o frontal que, ampliado, substitui o trono no nicho central.

Loading…