Bibliografia

Aguiar, J. Projecto de um edifício para o Centro Cívico de Lourenço Marques, Trabalho nº 494, GUU, s.d.;

Aguiar, J., Plano General de Urbanização de Lourenço Marques (Maputo), Memória Descritiva e Justificativa Volume 2,; GUC. 1947-1952;

Albuquerque, A., “Arquitectura Moderna em Moçambique, inquérito à produção arquitectónica em Moçambique nos últimos vinte e cinco anos do império colonial português 1949-1974”, Prova Final de Licenciatura, Coimbra, 1998;

Fiúza, F., “Os Edifícios Institucionais do Ministério do Ultramar na Metrópole”, Palcos da Arquitectura, vol. II, Lisboa, 2012, pp. 236-242;

Pinto, P., Milheiro, A., “Da monumentalidade à diversidade – Maputo entre os planos urbanos de Aguiar e de Azevedo (1950-1970)”, Colóquio Internacional Conhecimento E Ciência Colonial, Lisboa, 26-29 de novembro 2013, s.p.;

Milheiro, A.; Fiúza, F., “A Arquitetura dos Gabinetes de Urbanização Colonial em Moçambique (1944-1974)”, Atas do Congresso Internacional Saber Tropical em Moçambique, Lisboa, 24-26 outubro de 2012;

Milheiro, A. V., “Cidade e arquitetura em África: Obras Públicas no crepúsculo da colonização portuguesa”, Camões – Revista de letras e culturas lusófonas - Da identidade da arquitetura portuguesa, n. 22, Lisboa, 2013, pp. 45-46;

Fernandes, J. M.; Janeiro, M. L.; Neves, O. I., Moçambique 1875/1975, Cidades, Território e Arquitecturas, Lisboa, 2008;

Ferreira, A. F., Obras Públicas em Moçambique – inventário da produção arquitectónica executada entre 1933 e 1961, Lisboa, 2008, pp. 104-109;

Morais, J., Maputo, património da Estrutura e Forma Urbana. Tipologia do Lugar, Lisboa, 2001. 

Legislação:

Decreto nº 34 173, Ministério das Colónias: Cria, com sede em Lisboa, o Gabinete de Urbanização Colonial (GUC), organismo comum a todas as colónias de África, e define as suas atribuições. Diário do Governo, I série, nº 269, de 06.12.1944, pp. 1167-1168.

Portaria nº 13 625, Ministério das Colónias: Cria, com sede em Lisboa, o Gabinete de Urbanização Ultramarino (GUU), organismo comum a todas as colónias de África, e define as suas atribuições. Diário do Governo, I série, nº 160, de 31.07.1951.

Loading…