Fortaleza de Comorão

Fortaleza de Comorão

Bandar Abbas [Bandel de Comorão, Bandar de Comorão, Gombroon], Golfo Pérsico | Mar Vermelho, Irão

Arquitetura militar

Bandar Abbas é uma cidade portuária, capital da província iraniana de Hormozgan, localizada no Sudeste do Irão. Ocupa uma posição estratégica na região do Estreito de Ormuz, sendo um dos mais importantes centros de comércio iranianos no Golfo Pérsico e no Golfo de Omã. Anteriormente era conhecida por Gameron, e referida pelos portugueses como Bandel de Comorão. A Fortaleza de Comorão integrava o sistema defensivo da cidade de Ormuz, contribuindo também para o seu abastecimento, dada a inexistência de água doce nesta ilha, bem como de lenha e de outros mantimentos necessários à vida da guarnição e da população da cidade. As características geográficas do porto de Comorão permitiam a segurança das embarcações que ali procuravam abrigo, sendo protegido por uma cadeia montanhosa a norte. A sul, as ilhas de Ormuz e de Queixome localizam-se a três léguas de distância. A presença portuguesa nesta localidade aparece documentada desde 1521, tendo sido construída uma fortaleza que Nicolau de Orta Rebelo designa por Fortaleza de Bandel de Comorão, sendo uma construção que "serve para franquear os mantimentos, e agoadas, que para a Ilha todos os dias passão". A referida edificação era de taipa e não estava preparada para dis parar peças maiores do que falcões, dada a sua fragilidade. De acordo com o Lyvro de Plantaforma das Fortalezas da India de Manuel Godinho de Herédia, pode dizerse que a Fortaleza de Comorão tinha uma configuração de planta quadrada, sendo dotada de quatro baluartes, ou seja, um em cada ângulo. Acerca do que subsiste desta fortaleza na atualidade, nada se pode acrescentar, dada a escassez de informação. Segundo a tradição, as autoridades persas e portuguesas reuniam-se no perímetro da fortificação onde actualmente se encontra um museu.

Ana Margarida Martinho

Loading…