Forte

Forte

Corjuem, Goa, Índia

Arquitetura militar

Localizada na Ilha de Corjuem próximo de Aldoná, de que se encontra separada pelo Rio Mapuçá, a fortaleza foi conquistada em 1705 pelo vice‑rei Caetano de Mello e Castro, que de imediato a reformou e a dotou de guarnição, com o intuito de travar as constantes incursões das forças maratas nos territórios de Goa. De planta quadrada, com vinte e cinco metros de lado e quatro baluartes poligonais, a fortaleza viria a ser reconquistada aos bhonsles de Sawantwadi em 12 de junho de 1741, por uma força mista de infantaria, granadeiros e sipaios, comandada pelo general de Bardez, Manoel Soares Velho. Reconstruída no início do século XIX com o intuito de se destinar aos alunos da Escola Militar, possui no interior, um poço e uma pequena capela. Foi desguarnecida em 1811 e abandonada em 1834, por ter perdido importância enquanto posição estratégica.

Sidh Losa Mendiratta

Loading…