Igreja de Nossa Senhora do Terço

Igreja de Nossa Senhora do Terço

Recife, Pernambuco, Brasil

Arquitetura religiosa

O atual Bairro de São José tem sua organização urbana resultante do projeto de urbanização realizado aquando do governo de João Maurício de Nassau. No lugar foi destruída a maioria das casas para que voltasse à ativa, na defesa do Recife, o Forte das Cinco Pontas. Com a ocupação dessa parte da Ilha de António Vaz pelo casario construído pelo governador, a fortificação foi prejudicada em relação à sua artilharia. Depois de 1654 reconstruiu‐se tudo, possivelmente respeitando o parcelamento holandês. O lugar onde se encontra a Igreja de Nossa Senhora do Terço é próximo ao de um baluarte da fortificação holandesa construída por Nassau. A igreja é edificação cuja planta baixa resultou da forma triangular definida pela Rua das Águas Verdes e Rua Direita, que chegam ao seu pátio. Uma capela foi edificada depois de 1654 e ela é referida no livro Calamidades de Pernambuco. Na atual igreja do século XIX destaca‐se a torre sineira, cujo coroamento recebeu peças de louça de grandes dimensões. O interior é bem de acordo com o gosto eclético. A igreja primeira foi remodelada nesse século, tendo as obras se iniciado no ano de 1863. Aquela torre data de 1869. A fachada foi confiada ao mestre pedreiro Manuel do Carmo Ribeiro. Os azulejos da torre e os quatro coruchéus se devem à fábrica do Porto, Portugal e o recibo da venda foi assinado por Vasconcelos & Braga.

José Luiz Mota Menezes

Loading…