Igreja de São José

Igreja de São José

Boroma, Missão de, Tete, Moçambique

Arquitetura religiosa

Situada a cerca de trinta quilómetros da cidade de Tete, Boroma constituiu-se e construiu-se em 1885 como uma missão católica de jesuítas portugueses, depois substituídos pelos missionários da Congregação do Verbo Divino. Foi incorporada em 1915 no concelho de Tete; a Igreja de São José, servindo a missão de Boroma, cuja fotografia foi divulgada nos álbuns de Santos Rufino, foi classificada como monumento nacional pela portaria n.o 5.981 de 31.03.1945, sendo nela instalada uma Escola de Artes e Ofícios. A edificação da igreja inspira-se em tipologia convencional, de referência medievalista, com duas torres ladeando a fachada, esta em silhueta de frontão triangular, ameada. O conjunto do edifício da antiga missão (hoje muito arruinado), com a igreja implantada a seu lado, abre sobre o rio e está envolvido por um muro com a temática da Cruz de Cristo, repetida em relevos sucessivos, que também preenchem as cimalhas dos dois edifícios. Destaca-se ainda, na entrada do corpo da missão, uma pintura polícroma da Cruz de Cristo, legendada, e a inscrição da data, 1890.

José Manuel Fernandes

Loading…